Três Unidades de Conservação têm seu Plano de Manejo aprovados em MG

Obrigação prevista na Lei Federal nº 9.985/2000, o Plano de Manejo de uma Unidade de Conservação é um "documento técnico mediante o qual, com fundamento nos objetivos gerais de uma unidade de conservação, se estabelece o seu zoneamento e as normas que devem presidir o uso da área e o manejo dos recursos naturais, inclusive a implantação das estruturas físicas necessárias à gestão da unidade".


No mês de dezembro/2019, foram aprovados em Minas Gerais, mais três Planos de Manejo, das seguintes Unidades de Conservação - UC: A Estação Ecológica de Acauã (EE Acauã) localizada nos municípios de Turmalina e Leme do Prado; Estação Ecológica do Cercadinho (EE Cercadinho) localizada no município de Belo Horizonte e a Estação Ecológica Aredes (EE Aredes) localizada no município de Itabirito.

O Instituto Estadual de Florestas – IEF tem como meta que até o final do ano de 2022, todas as Unidades de Conservação do Estado tenham o seu Plano de Manejo elaborado. O balanço hoje é de que 36 UCs possuem planos de manejo e 09 UCs estão com os planos em andamento.


Para que essa meta seja cumprida, o IEF tem destinado os recursos de compensações ambientais para a elaboração dos Planos de Manejo das UCs que não possuem o instrumento, bem como a capacitação da sua equipe, tendo assim técnicos com qualificação para avaliar esses planos e recursos para a elaboração dos mesmos.

Alguma dúvida sobre Planos de Manejo ou Unidades de Conservação? CLIQUE AQUI, nós da Trilho Ambiental podemos te ajudar.


130 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo