• Caroline Martins

Raio-x da indústria têxtil: conheça boas práticas ambientais para o setor




O mercado têxtil e de confecção é um dos mais dinâmicos do mundo. Moda, uniformes, esportes, são muitos os artigos que passam por esse tipo de produção.


De acordo com a Associação Brasileira da Indústria Têxtil (Abit), o Brasil ocupa a quarta posição entre os maiores produtores mundiais de artigos de vestuário e a quinta posição entre os maiores produtores de manufaturas têxteis. Logo, é uma das indústrias que mais gera empregos.


Toda essa atividade industrial interage com o meio ambiente nos seus processos, ou seja, possui aspectos ambientais que podem gerar impactos.


Aspectos ambientais da indústria têxtil


Durante todas as etapas de produção do setor têxtil são gerados aspectos ambientais inerentes ao processo industrial. Estes aspectos são, em sua maioria:


- Efluentes líquidos industriais;

- Resíduos sólidos;

- Emissões atmosféricas.


Os diversos produtos químicos utilizados no processo, caracterizados principalmente pelos solventes orgânicos, além das caldeiras para produção de vapor, são responsáveis pelas emissões atmosféricas das indústrias têxteis.


Ao longo do processo produtivo têxtil, existem diversas operações que geram resíduos sólidos, desde o descaroçamento do algodão até restos de fios e tecido, variando quanto à característica e quantidade.


A indústria têxtil é uma das maiores geradoras de efluentes líquidos, dentre diversas tipologias industriais.


A natureza de cada um dos efluentes líquidos gerados depende da tecnologia e dos processos industriais empregados, além do tipo de fibra e dos produtos químicos utilizados. O alto consumo de água demandado por essa tipologia industrial advém, principalmente, das operações de lavagem e beneficiamento de fios e tecidos, além da lavagem das plantas e dos equipamentos.


Boas práticas ambientais para a indústria têxtil


A busca pela sustentabilidade tem orientado muitas indústrias em direção à prática de melhorias contínuas para além das obrigações formais contidas na regularização ambiental.


A melhoria do desempenho ambiental do setor passa pela substituição de tarefas cotidianas das empresas por práticas voltadas à produção sustentável, onde seja possível obter uma série de benefícios, tanto ambientais quanto econômicos, na gestão de seus processos.


Pensando nisso, listamos algumas boas práticas para a indústria têxtil, considerando os aspectos ambientais listados.


Área: Fiação e tecelagem





Área: Beneficiamento ou acabamento





Área: Confecções





Área: Estação de Tratamento de Efluentes





Área: Caldeira




Precisa gerir os aspectos ambientais do seu empreendimento dentro da lei e quer adotar boas práticas? Clique AQUI e saiba como podemos te ajudar!

0 visualização

E-mail          contato@trilhoambiental.org

 

Telefones     +55  (31)  3221-6040 

                             

                             (31)  3245-8941

  • Linkedin da Trilho Ambiental
  • YouTube da Trilho Ambiental

Rua José Pedro Drumond, n 204

 

Bairro Floresta, Belo Horizonte/MG 

CEP 30150-140

Mapa do Site:
Mapa do Brasil
Todos os direitos reservados à Trilho Ambiental Ltda.