Minas lança projeto para monitoramento da cadeia de valor do carvão





No dia 18/09, o Governo de Minas Gerais lançou um projeto para realizar a gestão de florestas plantadas, controlar a cadeia do carvão vegetal, dar mais elementos para proteger a vegetação nativa e ainda garantir mais confiabilidade à indústria mineira com certificações de sustentabilidade.


O lançamento ocorreu em evento virtual, que contou com a participação do governador Romeu Zema, dirigentes do Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sisema) e demais envolvidos.


O projeto é dividido em três fases: origem, transporte e consumo do carvão, com expectativa de entrega da primeira etapa em 2021.


A iniciativa da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), do Instituto Estadual de Florestas (IEF), da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) e da Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais (Prodemge) busca controlar 100% da cadeia do carvão, desde o plantio até o consumo industrial, com tecnologia capaz de encadear em um sistema de informação digital todas as etapas de produção do carvão para que seja assegurada a rastreabilidade do produto, da origem até o consumo final.


Quando o sistema estiver em produção, espera-se que todo o carvão originado de florestas plantadas em território mineiro seja rastreável, o que vai aumentar os padrões de desenvolvimento sustentável praticados em Minas Gerais.


Quer saber mais sobre gestão ambiental e sustentabilidade? Clique AQUI e converse com a nossa consultoria ambiental.


7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo