Semad fiscaliza extração de areia MG



Durante a última semana, de 20 a 24 de fevereiro, a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) coordenou uma ação de fiscalização nos municípios de São José da Lapa, Pedro Leopoldo e Esmeraldas em Minas Gerais a fim de barrar a extração ilegal de areia. Só nos dois primeiros dias, foram aplicadas multas totalizando 250 mil reais.

A utilização de recursos hídricos pelos areeiros, o lançamento de efluentes nos cursos d´água, oriundos do processo de extração e possíveis desmatamentos decorrentes do avanço das frentes de lavra na região são inspecionados pelos fiscais a fim de garantir a preservação do meio ambiente. O Diretor de Fiscalização de Recursos Hídricos Atmosféricos e do Solo da Semad, Gerson de Araújo Filho, afirma que as inspeções realizadas em pontos de extração de areia em curso d´água, em cavas onde é depositada areia e desmontes em barrancos estão sendo realizadas para garantir que as exigências e condicionantes estabelecidas nas autorizações e outorgas sejam cumpridas.

Os principais impactos causados pela atividade são a degradação visual da paisagem, do solo e do relevo e a alteração na qualidade das águas segundo a Diretoria de Fiscalização de Recursos Hídricos, Atmosféricos e do Solo, responsável pela operação.

#Semad #Fiscalização #Outorga #Extraçãodearia

9 visualizações0 comentário