Papel produzido com palha de cana-de-açúcar em fábrica paulista



Uma empresa no interior de São Paulo, em Lençóis Paulista, é a primeira fábrica a empregar a tecnologia de produzir papel por meio da palha cana-de-açúcar. A fábrica, nomeada FibraResist, terá capacidade para produzir até 72 mil toneladas anuais de uma fibra virgem utilizada para a produção de papel.

De acordo com a empresa, o processo industrial desenvolvido é inédito e tem como principal característica o forte apelo ambiental por transformar um subproduto em matéria-prima, desenvolvendo um processo que, além de dar à palha da cana-de-açúcar uma destinação sustentável, é livre da emissão de CO2 e outros gases poluentes.

O processo envolve um circuito fechado que evita perdas e desperdício de água, gera pouco resíduo na produção e este pode ser reutilizado como adubo no campo, entre outras finalidades. A Universidade Federal de Viçosa (UFV) avaliou e classificou a pasta mecânica celulósica produzida pela FibraResist. Diferentemente da celulose comum, a pasta desenvolvida não passa pelo processo químico para o clareamento, o que resulta em um papel mais escuro que é utilizado em processos de produção de embalagens e outros produtos que necessitem de fibra virgem.

#Reciclagem #Sustentabilidade #Produçãodepapel #Canadeaçúcar

23 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo