Pessoas com viagens marcadas para UCs nas áreas endêmicas, devem vacinar contra a Febre Amarela.



O Ministério do Meio Ambiente (MMA), juntamente com o Ministério da Saúde, reforçam que os viajantes com destino às Unidades de Conservação (UCs) em áreas de ocorrência da Febre Amarela, precisam estar atentos à vacinação contra a doença.

Em Minas Gerais, que atualmente passa por uma situação de emergência da doença, a principal preocupação é quanto aos frequentadores do Parque Estadual do Rio Doce, pois a região onde está localizada o Parque, entre os municípios de Timóteo, Marliéria e Dionísio, teve casos de Febre Amarela.

São identificadas como áreas de risco as Unidades de Conservação e os locais com matas e rios, onde o vírus e seus hospedeiros ocorrem naturalmente.

#FebreAmarela #MinistériodoMeioAmbiente #MMA #UnidadesdeConservação #UCs

0 visualização0 comentário