Como economizar DINHEIRO na sua indústria em menos de um ano?

 

Segundo o  Balanço Energético Nacional de 2017 publicado pela Empresa de Pesquisa Energética – EPE as indústrias representam a maior parcela de consumo de energia no Brasil, sendo esta responsável por 33% do total seguido por transportes, residências, setor energético, agropecuária e outros. Dentre as indústrias, as Alimentícias, Ferro Gusa e Aço são consideradas do mesmo ramo pela pesquisa o que representa 28% e 18%, respectivamente.

Outra pesquisa, essa publicada pela CNI, apresentou um aumento de quase 64% no custo da energia (com impostos) no período de 2013 a 2017.

Por que estamos falando disso tudo?

Em média o custo de energia representa entre 7 e 15%  do custo de transformação do produto na indústria e com todos as informações apresentadas no início desse texto a conclusão que podemos chegar é que o custo de energia é significativo no universo industrial, e o custo energético está aumentando cada vez mais.

Na sua Empresa você acha importante reduzir custos com energia? Atingir altos níveis de eficiência energética? Obter o tão sonhado “hard saving”?

No Brasil várias organizações desenvolveram e desenvolvem, diversas metodologias em busca de uma maior eficiência, como por exemplo o Lean, Six Sigma, WCM, etc.

Neste compasso, a Trilho Ambiental lhe garante que é possível obter a redução do custo com energia que na maioria das organizações tem aumentando de maneira descontrolada.

 Assim, a pergunta a ser respondida é: como reduzir o custo com energia sem a necessidade de grandes investimentos e de maneira rápida?

A solução é simples, basta cuidar daquilo que importa e agora já sabemos o quão importante é a energia para as nossas operações e o quanto isso nos custa (caro). Não há maneira melhor de cuidar de algo do que fazendo gestão! A Gestão de Energia pode ser realizada através da certificação da ISO 50.001[1], ou até mesmo sem a necessidade de uma certificação.Ambas opções são alternativas de sucesso comprovadas.

Todo esse cuidado começa com o Diagnóstico Energético, que basicamente consiste em, metaforicamente, levantar o tapete e tirar toda a poeira que está ali. Através do Diagnóstico, identificamos os consumos de energia, as áreas de maior consumo e as oportunidades de mudanças contratuais junto às geradoras e distribuidoras.

Com o diagnóstico em mãos é possível quantificar, em valores econômicos, as perdas que ocorrem durante o consumo de energia. Essas perdas, podem em alguns casos chegar a até 50% do consumo total de um Empresa. Isso quer dizer que metade da sua “conta de luz” (energia) estaria sendo jogando fora!

A vantagem do Diagnóstico Energético feito previamente, é possível, além de só identificar as perdas, saber onde e por quê os gastos desnecessários estão ocorrendo.

Aí vamos para a melhor parte que é colocar o dinheiro no bolso. Ou melhor, deixar de tirar dinheiro do bolso. De posse do Diagnóstico Energético podemos definir um plano de ação e nesse plano, separar os projetos em três tipos: sem ou baixo investimento, médio investimento e alto investimento.

Por que isso é tão importante?

Para que as mudanças sejam feitas de maneira assertiva, uma vez que trocar lâmpadas fluorescente pelas de LED em muitos casos somente gera um gasto desnecessário em face ao custo benefício.

Assim, com os projetos classificados e os recursos alocados, a efetividade do projeto gera rapidamente o retorno econômico. Na maioria dos casos, os projetos de eficiência energética (quando são necessários os investimentos) tem payback[2] máximo de 18 meses.

Ou seja, dá pra ganhar muito dinheiro em menos de um ano com algo muito simples que é a Gestão de Energia.

 

 

[1] ISO 50.001 Norma Brasileira que regulamenta o Sistema de Gestão de Energia de uma organização.

[2] Payback: Periodo em que o investimento realizado ainda esta sendo pago pela economia gerada.

Gostou? 
Veja outros materiais que escrevemos sobre eficiência energética.
Imagem de PDCA

E-mail          contato@trilhoambiental.org

 

Telefones     +55  (31)  3221-6040 

                             

                             (31)  3245-8941

Rua José Pedro Drumond, n 204

 

Bairro Floresta, Belo Horizonte/MG 

CEP 30150-140

  • Linkedin da Trilho Ambiental
  • Facebook da Trilho Ambiental
  • YouTube da Trilho Ambiental
Mapa do Site:
Mapa do Brasil
Todos os direitos reservados à Trilho Ambiental Ltda.